FANDOM


Esse artigo é uma transcrição do episódio de Os Jovens Titãs em Ação "Sanduíche Lendário" da temporada 1, que foi ao ar em 2 de setembro de 2013.

Personagens
Mutano
Ciborgue
Ravena
Robin
Estelar
Guardiões do Sanduíche
Silkie
Cidadão de Jump City Sem Nome
Localizações
Torre dos Titãs
Supermercado
Lago de Lava
Profundezas da Terra
Entre as Estrelas
Música
Nenhuma
Ponto da Trama
Sanduíche do Poder
Essa transcrição está completa.

TranscriçãoEditar

[O episódio abre para mostrar um episódio de Pégaso é Fofo Demais, o programa favorito da Ravena. Rosinha e Esmeralda estão presas em uma masmorra rosa-púrpura com barras azuis.]

Esmeralda: Não adianta, Rosinha! Vamos ficar presas nessa masmorra de doces... para sempre!

Ravena: Não desista, Esmeralda! [Mutano e Ciborgue riem.] Legal. Bem no meio da melhor parte de Pégaso é Fofo Demais!

Robin: Hehehaha! [Chuta.] Então eu chutei outro monstro sujo numa fornalha e [Aponta para o chão.] aí eu falei: "Isso vai acabar queimando o seu filme.".

Ciborgue: [Segue Robin até a sala, rindo.] Curto uma metáfora. Beleza!

Mutano: [Rindo enquanto ele se senta.] Isso é hilário, cara.

Robin: [Mastigando, boca cheia.] Mas ele não me ouviu, [Cheira os lábios] estava em chamas. [Morde o sanduíche.]

Ciborgue: Beleza!

Ravena: [Quando as migalhas do sanduíche de Robin e Ciborgue caem sobre sua cabeça] Ai, fala sério! Vocês comem feito animais.

Mutano: [Como um porco comendo o sanduíche ruidosamente e bagunçando] Hum! Ah... ah... que gostoso! [Ravena olha para Mutano] O que foi, Ravena?

Ravena: Você até tá podendo, mas [Olha para Robin e Ciborgue.] vocês dois são nojentos.

Ciborgue: Aah, foi mal! É que o Robin manda muito bem no sanduíche.

Robin: É verdade. Eu criei um sanduíche que vai fazer sua boca embarcar numa jornada de sabores.

Mutano: [Transformando de volta em seu ser humano.] Uma jornada de sabores com um sabor especial!

Ciborgue: Pois é. Eu rastejaria sobre quilômetros de cacos de vidro por esse sanduíche!

Mutano: Eu cruzaria o país num carro com o cheiro de CC do Ciborgue por esse sanduíche! [Ri.]

Ciborgue: Não tem montanha alta o suficiente pra me manter longe dele!

Mutano: É isso aí! Eu faria... err... coisas bem difíceis por esse sanduíche... aliás!

Ravena: Então, sairiam da Torre se eu contasse onde podem achar um bom sanduíche?

Robin: Claro, mas teria que ser um sanduíche lendário, como o meu!

Ravena: [Flutua do sofá.] Existe um antigo sanduíche do poder oculto, pra quem for usar o poder pro mal.

Robin: Pff, haha, tá, pra começar isso é bobagem e você inventou. Em segundo lugar, mesmo que fosse verdade, meus sanduíches são um máximo! Fim de papo.

Ravena: Não é mentira, é verdade. Olhe!

[Um livro, Lendas Antigas aparece, e cai em seus braços.]

Narrador: Lendas Antigas.

[Estelar entra com Silkie nos braços.]

Estelar: Uhhh, é hora de história!

Ravena: [Locução em voz alta.] Numa era há muito tempo esquecida, um velho rei chamou o Mago dos Sanduíches. O rei ordenou que ele criasse um sanduíche do poder. O Mago dos Sanduíches trabalhou em sua torre por 6 dias. No 7º, ele levou o sanduíche até o rei, e era glorioso. Concederia a ele a vida eterna pra que ele pudesse governar seu reino pra sempre e também era, delicioso.

[Robin, Estelar segurando Silkie, Mutano e Ciborgue estão reunidos ao redor do sofá e admirados com prazer.]

Ciborgue: Aaaaaaaah! Oba!

Estelar: Uuuuuuuh!

Robin: Ahahaha!

Mutano: Delicioso?

Ravena: [Locução em voz alta] Uma noite, o príncipe traiu o rei e tentou roubar o sanduíche. O velho rei ficou desolado. Ele percebeu que o sanduíche era poderoso demais, teria que ser destruído. Os ingredientes foram escondidos nos lugares mais distantes do mundo, vigiados pelos ferozes Guardiões do Sanduíche. Rés a lenda que [Fecha o livro.] ele pode ser feito, se alguém conseguir reunir todos os ingredientes.

Ciborgue: Temos que pegar esse sanduíche.

Mutano: Caramba! Quero comer duas vezes.

Estelar: Esse sanduíche vai ficar lindo no meu cabelo.

Robin: Não tem como superar meu sanduíche científico. O que estamos esperando? Titãs, ATACAR!

[Robin leva Ciborgue, Estelar que está segurando Silkie e Mutano para o elevador que fecha quando eles entram. Ravena flutua de volta para o sofá.]

Ravena: Até que enfim.

[Ravena liga o laptop para retomar o show.]

Rosinha: Temos que pegar as chaves de doce do Duende ou não iremos à festa de aniversário da Princesa Mimosa!

Robin: Oi, Ravena.

Ravena: [Desliga o laptop] Ahh, achei que cê tava fazendo o sanduíche.

Robin: Não sabemos onde procurar.

Ravena: São quatro ingredientes. [Convoca seu livro e o abre para mostrar os locais.] O bacon místico tá aqui, no Lago de Lava.

Ciborgue: Eu aguento o calor, cara. [Convoca ventilador girando] Eu pego! [Sai.]

Ravena: O próximo é a alface do rei, enterrada nas profundezas da Terra.

Mutano: Deixa comigo. [Se transforma em toupeira e vasculha o chão.]

Ravena: O próximo é o tomate estelar, oculto entre as estrelas.

Estelar: Deixem comigo, vou pegar o tomate. [Voa pelo teto.]

Robin: Tá legal, vamos à luta. Você deve ter deixado o ingrediente mais perigoso pro líder do Titãs.

Ravena: Ah, claro. O último ingrediente é o pão pretzel. Que pode ser encontrado... no supermercado. Toma um cupom.

[Robin fica de mau humor até o elevador para sua missão. Ao sair, Ravena convoca o painel de controle e programa a TV para jogar todas as maratonas de Pégaso é Fofo Demais.]

Ravena: Pégaso é Fofo Demais, jogar.

Rosinha: Com as chaves de doce, iremos ao aniversário da Princesa Mimosa onde todos os sonhos se realizam.

Ravena: Você é demais, Rosinha.

Ciborgue: [Chega ao Lago de Lava.] Vamos ver, segundo aquele mapa antigo, deve estar por aqui. Boo-yah! [Voa no Lago de Lava até avistar uma pedra que ele explode, revelando um baú] Brincadeira de criança. [Um Guardião do Sanduíche paira sobre Ciborgue.] Opa, Guardião do Sanduíche?! [Ciborgue se prepara e leva um soco.]

Mutano: [Cavando no subsolo.] É isso aí. Tô escavando, sem desgaste. Tô escavando pra descolar alface, alface real! [Cheira.] Beleza! Aface! Já tô sentindo o cheirinho! [Escava uma caverna e se transforma em gato para amortecer a queda e depois para o ser humano. Corre para o baú.] Maravilha! Hahaha! [Um Guardião do Sanduíche paira sobre Mutano.] Aai! É o Guardião do Sanduíche! [Esmagado por um punho.]

Estelar: [Voa para um planeta e procura o baú. Mancha debaixo de videiras verdes.] Acho que esse aqui deve ser o recipiente do tomate. [Estelar explode as videiras.] Como será que alguém conseguiu transportar esse fruto delicado para esse sistema? [Guardião agarra Estelar.] Nn! Não precisa fazer uso de força, senhor. [Guardião do Sanduíche lança Estelar que fica atordoada com o impacto. O guardião paira sobre ela e ela se espanta.]

[No supermercado, Robin empurra um carrinho de compras com uma roda irregular. Ele luta para movê-lo e aplica uma quantidade desnecessária de força para movê-lo. Ele bate no estande de Bat-O's e passa por cima de um homem velho até colidir com um corredor. Ele muda para uma cesta e caminha para a seção de delicatessen.]

Robin: [Dirigindo-se ao funcionário.] Eu quero um pão pretzel. O mais fresco que tiver. E rápido. Eu tô ficando deprimido aqui. [O funcionário gesticula na bilheteria. Robin leva o número 78 quando a tela que serve agora passa para 23.] 78? Tá no 23?! Aai.

Ciborgue: [Apontando um laser para o Guardião do Sanduíche.] Vai precisar beber água pra aguentar o molho picante, cara! Ya! Ya! [Dispara e atinge o robô três vezes. O Guardião pega uma pedra e a joga em Ciborgue, esmagando-o. Ciborgue explode a rocha para se libertar.] Agora vai ver só. [Ativa a mochila-à-jato.] Vou acrescentar um bacon!

[O Guardião do Sanduíche levanta o punho e fica confuso por não ver nada lá. Mutano, como um rato, sobe em seu braço, chocando-o.]

Mutano: [Como um rato.] Olha, você tá furioso, né? [Guardião do Sanduíche sacode Mutano que se transforma em um beija-flor para se firmar.] Aí! Fica frio, cara! [Evita golpes até ficar preso pelas mãos do robô, que começam a tremer até a forma de gorila do Mutano se libertar] Falou, cara. Vamos partir pra ignorância! [Soca Guardião do Sanduíche.]

[Estelar carrega as mãos e dispara o guardião. O Guardião do Sanduíche invoca uma espada e a balança tentando acertar Estelar que se esquiva de cada golpe.]

Estelar: Eu tô começando a achar que esse tomate tá me dando muito trabalho!

[Estelar atira no Guardião do Sanduíche e o desarma. No supermercado, o contador agora serve para 32.]

Narrador: Senha 32.

Robin: [Conversando com o cidadão.] Pois é, tem gente que gosta de usar espada ou laser, mas eu gosto de usar esse bastão. [Começa a empunhar seu bastão, aterrorizando o cidadão.] Olha. E toma! Ha! Pa! Pa! Bem na cabeça! No joelho! Ta! Na clavícula! Ele dá conta do recado. [O cidadão se afasta lentamente.]

[Ciborgue invade o Guardião do Sanduíche. Ele bate no punho do Guardião do Sanduíche que o agarra, arranca o braço dele e o joga de lado]

Ciborgue: Meu braço!

[O Guardião do Sanduíche agarra a espada e vai tentando acertar Estelar com ela, que termina cortando grande parte do cabelo da Estelar que se queima e se desintegra.]

Estelar: Meu cabelo!

[Mutano esquiva um golpe e morde a perna do Guardião do Sanduíche como um jacaré, quebrando os dentes. Ele se transforma de volta em humano.]

Mutano: Meus dentes!

Narrador: Senha 42, 47, 52.

[Mutano esquiva das pisadas do Guardião do Sanduíche como um coelho e depois se transforma em um polvo e joga tinta nele. Estelar joga lasers no Guardião do Sanduíche, e Ciborgue vai jogando lasers por um canhão no Guardião do Sanduíche.]

Narrador: Senha 54, 58, 67.

[Estelar dá um soco no Guardião do Sanduíche e assim o destrói. Mutano vira uma baleia, pula em cima do Guardião do Sanduíche e o destrói. E Ciborgue joga mísseis no Guardião do Sanduíche que o destroem.]

Narrador: Senha 77, 78.

[Robin fica feliz e atrás dele gritam yay.]

Mutano: [Abre o baú e retira o alface.] É!

Ciborgue: [Abre o baú e retira o bacon.] É!

Estelar: [Abre o baú e retira o tomate.] É!

Robin: [Chega na bolsa e estende o pão pretzel.] Tanto faz.

Ravena: [Segurando a boneca da Esmeralda.] Ah, veja, Rosinha, é a Floresta de Alcaçus. [Segurando a boneca da Rosinha.] Mas esse lugar não é cheio de anões? [Segurando as duas no sofá.] Não seja boba, Rosinha, é o lar da nossa nova amiga, Princesa Ceda-Macia. Muito prazer, Princesa Ceda-Macia. Seu cabelo parece... [Silkie come a boneca da Rosinha.] Menina feia. [Chega na boca de Silkie e pega a boneca quando o elevador apita, chocando-a. Ela joga Silkie de lado e usa sua magia para esconder qualquer evidência de Pegasu é Fofo Demais quando Estelar, Ciborgue e Mutano entram.] Já voltaram?

Mutano: Cara, os Guardiões do Sanduíche eram mais durões do que eu pensei.

Ciborgue: É, nem brinca, mas olha.

[Estelar, Ciborgue e Mutano mostram a Ravena seu ingredientes recuperados, respectivamente.]

Ravena: Então a lenda é verdade?

Ciborgue: Tomara que valha a pena. Sabe quento tempo vou levar pra montar outra mão só com uma mão?

Robin: [Entra.] Poxa. O supermercado foi barra! Mal consegui sair de lá vivo. Oi, Estelar, gostei do seu cabelo. [Observa os outros Titãs com os rostos irritados.] Que é?

[Ravena usa magia para segurar três velas no ar. No chão, encima de um estrado circular, os quatro ingredientes são colocados em intervalos, enquanto Robin, Mutano, Estelar e Ciborgue a encaram.]

Ravena: Agora eu vou falar as palavras de poder do sanduíche lendário. [Abre o livro.] Choirosmo rula tomato pasomi! [O estrado brilha e os ingredientes são levantados no ar. O pão pretzel se abre e empilha a alface, o tomate e o bacon antes de fechar e piscar uma luz brilhante que reverte o cenário para a cozinha. Abaixa o sanduíche no chão.] A chave da imortalidade e de um lanche delicioso.

Robin: Aah, meus sanduíches são melhores. Bom, como líder da equipe e especialista em sanduíches, vou dar a primeira mordida.

Ciborgue: Para, para, para, para, pó parar! Calma aí, eu perdi um braço por esse sanduíche! Eu sou o primeiro!

Estelar: Mas eu perdi meu cabelo. Claro que isso é mais importante do que um braço. EU vou dar a primeira mordida.

Mutano: Pessoal, o primeiro pedaço é meu. Eu sofri pra caramba! [Mantém a boca baixa para mostrar dentes quebrados.] Vejam só isso!

Ciborgue: Como é que vai comer sem os dentes? Vai mastigar com a gengiva?

[Os Titãs discutem um sobre o outro até ver Silkie, agora livre de sua roupa, rastejando em direção ao sanduíche. Ela abre a boca e começa a comê-lo de uma só vez enquanto os Titãs assistem horrorizados.]

Robin: Silkie, para!

Estelar: Não pode fazer isso, filhinha!

Mutano: [Lamentando.] Não é pro seu bico!

[Silkie termina de comer o sanduíche e começa a flutuar no ar com uma coroa pairando sobre sua cabeça. Um fundo laranja com nuvens e um castelo em cima de um aparecem no fundo como canto de voz. Os Titãs assistem enquanto Silkie vomita o sanduíche. Ele aterrissa e se arrasta para longe enquanto Mutano cobre a cabeça com tristeza.]

Robin: [Para Ravena.] Eu falei que o sanduba não era tão bom. [Para os outros.] Alguém quer ver Pégaso é Fofo Demais? [Ravena sorri encantada quando Mutano e Ciborgue rosnam para Robin, irritados]

O episódio termina.

Veja tambémEditar

Link externoEditar

O conteúdo da comunidade está disponível sob CC-BY-SA salvo indicação em contrário.